domingo, 12 de dezembro de 2010

Palavras...

Em dezembro de 2009, movido pela crença na lei do Segredo, fiz um cartaz dizendo diversas coisas que quero para minha vida. Saúde, vitórias, e muitas realizações estão escritas nele. Com a imagem de um coração formado por duas mãos, preenchido com rosas vermelhas tem duas palavras “Grande amor”.

Não há como caminhar nessa vida sozinho. Engana-se aquele que acha que é o “fodão” por ser o pegador, ou bonitão da festa. Fodão hoje é quem consegue manter uma relação, passando por todas as provas e dificuldades que ela pode aplicar.

Esse cartaz foi colado no meu guarda roupa, e por diversas manhãs acordei olhando para ele e memorizando todos os objetivos ali traçados. Confesso que o “grande amor” era um dos últimos que olhava. Afinal, achar isso é muito difícil em um mundo balizado pelo sexo/perfeição, perfeição/sexo.

Um solteiro por opção fazia da vida uma “festa” só. Igual a futebol, quanto mais “gols” melhor. Não escondia isso de ninguém, e não iludi ninguém durante esse tempo. A balada era a selva, e ia todas as semanas há caça, vida de solteiro, colecionar beijos.

Já diz o ditado “Um dia da caça, outro do caçador”. Era uma terçaneja na Ballare, reabertura da casa. Com um ex-amigo, cheguei para dar oi para umas amigas dele. Confesso, que o nariz empinado, olhos verdes, pele de pêssego, me chamava atenção. (Não darei detalhes do corpo afinal sou ciumento). Lá esse amigo, tirou a moça de nariz empinado, olhos verdes, pele de pêssego para dançar. Ao mesmo tempo encontro meu primo, e cumprimento, esperando meu ex-amigo parar de dançar. Olhei o sorriso e pensei: Vai dançar comigo, há vai. Convido a moça de nariz empinado, olhos verdes e pele de pêssego para dançar. Tento aos poucos olhar sua boca, que nem a mínima atenção da para mim. Logo pensei: Guria desgraçada, nem uma olhadinha :( Logo após fui embora, faculdade de manhã.

Lembro-me do comentário “A curva dela, é algo” que fiz com minha colega de trabalho. Uma semana se passou, durante a mesma, eu tentava ao menos trovar a nariz empinado, olhos verdes e pele de pêssego, que pouco me dava atenção.

Sabado, não consegui entrar na Ballare, muita gente, fila enorme. Encontrei a branquinha, que me deu oi e saiu. Depois soube que ela perguntou por mim, com a reação mais estranha do mundo: Perguntou? Porque será?

O papo no msn depois disso, foi menos seco. Mas não deixava o nariz empinado, olhos verdes e pele de pêssego de lado. Me fui para outra terçaneja com o objetivo: Hoje eu fico com a Fabi. Uma única pergunta fiz: Esta namorando? A resposta seca e provocativa: Já disse que não. Pensei: É agora. E Beijei!

Muita coisa aconteceu nesses últimos 6 meses e meio. Vários foram os ensinamentos, várias foram as provas de resistência que passamos. Eu tenho certeza que a lei do Segredo aconteceu. O Grande amor, chegou. Agradeço a todos os dias passados ao lado da Fabiane. As brigas muitas vezes com palavras fortes que não dizem a verdade, peço desculpas. Meu sentimento é muito grande, e meu amor, maior ainda.

A música diz “Te amo como nunca amei ninguém”, eu tenho certeza que ela “mudou a minha história.”.

Abração!

PS: Te amo Fabi!

2 comentários:

thatha2210 disse...

que amooor ^^ lembro beeeeem da noite do 1º beijo lalala... [666'] hasuhasuhashsau
sorte pra vcs 2 meus amores...torço mtoooo pra vcs, sabem neh?! casal mara...parceiros pra tdo...sempre prontos pra uma festa, conversa, pra mata tempo :D

Fabi disse...

parece que foi ontem... e como passou rapido...
me conquistou com esse jeitinho lindo, esses olhinhos perfeitos, com esse amor chato pelo inter, com as brincadeiras sem graça, com as conversas sem fim, com os carinhos, os beijos, as brigas.. me fazendo mais feliz a cada dia, me fazendo desejar que isso nao acabe nunca, me fazendo ter odio e ao mesmo tempo amor..
a cada dia desses 6 meses e 18 dias tu me encanta mais, me fascina mais e me apaixona mais.. obrigada por cada dia, cada minuto nesse tempo.. sem duvidas cada momento ai te lado foi um aprendizado enorme, cada dia é uma historia diferente pra levar pro resto da vida..
espero sim, que isso tudo dure por muito e muito tempo ainda, pq eu nçao troco por nada!
Amo tu meu liindo.. ♥